Comportamento

DEU POSITIVO, E AGORA!?

Sabemos que uma gravidez é benção na vida de uma mulher, mas nem sempre ela é planejada. Então, hoje contarei como recebemos a notícia que João Pedro estava a caminho!

Tomei pílula por 15 anos, mas estava incomodada com toda aquela repercussão sobre trombose que envolvia o nome da minha pílula e decidi trocá-la. Liguei no consultório ginecológico e a instrução foi ficar um mês sem tomar o medicamento, menstruar e iniciar o próximo!

Não preciso dizer que nem precisei comprar ‘o próximo’, né? hahaha

Em novembro, parei a pílula, mas não menstruava! Tanto tempo tomando remédio, imaginei que meu corpo ainda estava adormecido e atribuí o atraso a isso.

Já morava com o meu marido (noivo na época), e ele também começou a estranhar. Me perguntou e eu achei um absurdo aquele questionamento. Quando estava saindo para viajar a trabalho, depois das festas de final de ano, ele tornou a me perguntar e eu também tornei a achar a pergunta uma bobagem!

Natal de 2015 – Noivado ( já estava grávida e não sabia! rs)

Cheguei na cidade que trabalharia na semana e meu hotel ficava vizinho a uma farmácia. Pensei ‘Vou comprar um teste de gravidez só para mostrar que meu noivo esta doido!!!!’ – hahaha POBRE DE MIM!

Fiz o teste, deixei em cima da pia e fui desarrumar a mala. SIM, estava tão confiante que nem dei bola… Quando voltei para ver o resultado… GENTE DO CÉÉÉÉU… QUE SUSTO! Hahaha

Passou um filme na minha cabeça, de como tudo mudaria, de como o Gabriel reagiria, minha família, a família dele… Fiz uma continha rápida, estava de casamento marcado e meu filho teria UM MÊS naquela data! Ou seja, tinha que mudar o casamento! O que eu farei com os cavalos? E com o meu trabalho? Passei a semana trabalhando e tentando me recuperar da surpresa. Pra não dizer que ninguém sabia, contei pra Renata, minha primeira amiga. Ela precisava ser a primeira a saber do meu primeiro filho! Tá, mas você não contou nem pro seu noivo!? NEM PRO MEU NOIVO!!!! Nem pra sua mãe!? NEM PRA MINHA MÃE!!! Hahahaah. Além de contar a novidade ainda teria que admitir que ele tinha razão. Era melhor digerir isso tudo direito! hahahha

Eu e a Renata no chá de Fraldas do JP – Foto: Isa Silvano
Desde 1.990!! – Eu disse que era minha primeira amiga. rs

Adiantei um dia meu retorno, para fazer o exame de sangue e ter o resultado antes da reunião com a cerimonialista do meu casamento.

Contei para o noivo, que ainda não tinha o resultado do laboratório, mas que eu já tinha feito o teste de farmácia. Ele ficou mais perdido que eu! Rs. Ria e chorava, mas o fiz prometer que não contaríamos para ninguém antes do resultado em mãos!

No dia seguinte, busquei o resultado e fui buscar minha mãe, para irmos ao encontro da cerimonialista. Já no carro disparei a novidade! Coitada, ela chegou na reunião ainda atordoada!

Mudamos a data do casamento (de outubro para abril!), mudamos o destino da lua de mel, realojei os cavalos, enfim, tudo pelo bem maior desse serzinho que estava para chegar!

Aos poucos fomos alinhando tudo e acomodando da melhor forma para viver essa maravilhosa maratona materna!

E você? Qual sua história?

Comentários

Deixe uma resposta